Grupo nacional vai acelerar transformação digital nos estados e no DF

Ativo 1 30 setembro, 2019

O Grupo de Transformação Digital dos Estados e do DF (GTD.Gov), que reúne servidores públicos parceiros para estimular o país a desenvolver uma lógica de transformação digital, realizou dois encontros nos últimos meses para discutir as ações necessárias para estimular essa pauta no território nacional. O Movimento Brasil Competitivo (MBC) é um dos participantes do grupo, criado pela Associação Brasileira de Entidades Estaduais de Tecnologia da Informação e Comunicação (ABEP) e pelo Conselho Nacional de Secretários de Estado de Administração (Consad). 

Uma das propostas do GTD.Gov é a criação dos documentos digitais de identificação, que simplificariam os processos burocráticos e diminuiriam a quantidade de documentos pessoais. Segundo a diretora executiva do MBC, Tatiana Ribeiro, essa unificação seria um avanço importante. “Existem mais de 50 tipos de documentos de identificação atualmente. Essa quantidade não só dificulta os serviços do setor público, mas também a vida do próprio cidadão, que ao se casar e mudar de nome, por exemplo, precisa atualizar cada um dos documentos”, explicou Tatiana. 

Outras propostas são levar aos portais dos estados o login que já é utilizado pelo portal do governo federal gov.br, e manter o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) apenas na versão digital, o que geraria uma economia de R$ 500 milhões aos Estados. Futuramente, o grupo pretende atuar em conjunto para a eliminação de documentos, convergindo-os em atributos de um futuro cadastro-base de cidadãos, a ser criado nos próximos anos. 

O presidente executivo da ABEP, Lutiano Silva, ressalta a importância do grupo. “O GTD.Gov, como um todo, é o embrião de algo inovador, que terá grande impacto, principalmente para os estados”, afirma Silva. “O grupo tem um caráter puramente de resultados para a sociedade brasileira, pois o país precisa de mais ações disruptivas. Estamos caminhando com muita velocidade na transformação digital, e o cidadão brasileiro vai sentir, em breve, a diferença nos serviços oferecidos pelo governo”, completa. 

Até o final de 2019, o grupo entregará a todos os governadores um documento contendo recomendações de transformação digital para os estados, que deverão ser replicadas aos municípios. Isso será possível, segundo os fundadores do GTV.Gov, a partir de diálogos constantes com secretários de Estado, presidentes das empresas estaduais de TIC, governo federal, academia, instituições da sociedade civil e organismos internacionais de financiamento. 

Com informações das assessorias da ABEP e do Consad