Movimento Brasil Competitivo



Diminuir Texto
Aumentar Texto
Glossário
Relatório Focus
Resumo Semanal

Crescimento

  • Projeção para resultado do PIB em 2017 permanece de 0,39% para 0,39%;
  • Para o ano de 2018, o resultado projetado para o PIB prevê queda  de 2,10% para 2,00%;
  • Expectativas para a indústria em 2017 apresentam aumento, de 0,55% para 0,66%;
  • Resultado esperado para a indústria em 2018 permanece o mesmo em relação à semana anterior, em 2,30%.

Inflação

  • Expectativas para inflação neste ano passam de 3,48% para 3,46%;
  • Inflação esperada para o próximo ano cai, de 4,30% para 4,25%;

Taxa de Câmbio e Taxa de Juros

  • Taxa de câmbio projetada para este ano passou para R$/US$ 3,35;
  • Para o próximo ano, a taxa esperada não sofre alterações, permanecendo em R$/US$ 3,40;
  • Taxa Selic segue projetada em 8,50% para este ano e 8,25% para 2018.

Notícias do Mercado

  • O Índice de Confiança Empresarial (ICE) da Fundação Getulio Vargas (FGV/IBRE), divulgado nesta segunda-feira, 3, caiu 2,1 pontos em junho, para 83,9 pontos, o menor desde fevereiro (82,7 pontos).  Em médias móveis trimestrais, o índice recuou pela primeira vez no ano, em 0,4 ponto.
  • A projeção do boletim Focus para o resultado da balança comercial (resultado do total de exportações menos as importações) em 2017 subiu de US$ 58,25 bilhões para US$ 58,75 bilhões de resultado positivo. Para o próximo ano, a estimativa dos especialistas do mercado para o superávit avançou de US$ 45 bilhões para US$ 46 bilhões.
  • Na última quinta-feira, 29, o governo decidiu reduzir a meta de inflação para os próximos dois anos. O objetivo é manter o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) a 4,25% em 2019 e a 4% em 2020, ambas com margem de tolerância.
  • Ainda nesta segunda-feira, 3, serão publicados os dados da balança comercial de junho.
  • Na terça-feira, 4, a Pesquisa Mensal da Indústria deve mostrar que a produção industrial ficou estável na passagem de abril para maio.
  • Na sexta-feira, 7, deverá ser confirmada a tendência desinflacionária com a divulgação do do IPCA, com projeção de queda 0,23%, refletindo o recuo das tarifas de energia elétrica e do preço dos combustíveis. Já o IGP-M, que será conhecido no mesmo dia, deve mostrar deflação mais intensa, de 0,85%, puxada pela retração dos preços dos produtos agropecuários no atacado.
  • Na agenda internacional, na quarta-feira, 5, será divulgada a ata da última reunião do comitê de política monetária do Fed, que decidiu elevar a taxa de juros em 0,25 p.p.o. O destaque desta semana será a divulgação dos dados do mercado de trabalho dos Estados Unidos referentes a junho, na sexta-feira, 7.
  • Durante a semana haverá a divulgação dos índices PMI de junho das principais economias, os números deverão apontar para leve desaceleração da economia mundial no fechamento do segundo trimestre.

Fontes:Boletim Bradesco e Fundação Getúlio Vargas

 
Voltar
{Ir para o topo}



MBC

Setor Comercial Norte, Quadra 1, Bloco C
Sala 1708, Ed. Brasília Trade Center
CEP 70.711-902 - Brasília, DF
55 61 3329 2101 | 55 61 3329 2102
mbc@mbc.org.br

© 2014 Movimento Brasil Competitivo. Todos os direitos reservados.