Movimento Brasil Competitivo



Diminuir Texto
Aumentar Texto
Glossário
Notícias
Governo do Distrito Federal e Movimento Brasil Competitivo prorrogam parceria
16.03.2017


O governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, recebeu nesta quarta-feira, 15, o presidente executivo do Movimento Brasil Competitivo, Claudio Gastal, para formalizar a prorrogação do acordo de parceria técnica com a instituição. A parceria se destina a melhorar a gestão pública e reduzir os gastos do governo. Para o alcance das metas, o prazo de vigência do acordo entre as partes foi prorrogado por 24 meses.

“Vemos com otimismo os enfrentamentos que o governo Rodrigo Rollemberg e sua equipe tem realizado. Mais do que um acordo, a renovação busca continuarmos tendo a parceria, a troca de informação, a discussão, o debate de soluções e saídas para o GDF. Acredito que agora se entra numa fase de refletir o futuro da capital como uma cidade que tem características peculiares e deve se engajar numa iniciativa de uma cidade digital dentro do escopo do programa Brasil Digital, que o MBC tem liderado”, declarou Gastal.

O termo de cooperação foi firmado em 5 de fevereiro de 2015 por meio da Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão. Cabe à secretária Leany Lemos acompanhar as atividades e avaliar os resultados do acordo.

Criado em 2001, o Movimento Brasil Competitivo atua como agente mobilizador entre diferentes segmentos do País, inclusive o setor público, com o objetivo de alcançar excelência em gestão.

Parceria faz parte do programa de modernização da gestão pública

A cooperação com o DF faz parte do programa Modernizando a Gestão Pública, voltado para transferência de conhecimentos gerenciais e metodológicos e captação de recursos privados. Além disso, está sendo incluída a previsão de constituição e atualização do plano de trabalho de gestão e governança, sob responsabilidade da entidade civil.

É competência da Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão fornecer apoio político-institucional, dados técnicos, recursos humanos, equipamentos e instalações disponíveis. Além disso, a pasta deve fiscalizar a execução do acordo, acompanhar as atividades e avaliar os resultados.

Cabe à entidade civil formalizar contratos com patrocinadores para captação dos investimentos necessários à execução das atividades, receber, gerenciar e aplicar recursos.

Com informações da Agência Brasília / Foto: Toninho Tavares


 
Voltar
{Ir para o topo}



MBC

Setor Comercial Norte, Quadra 1, Bloco C
Sala 1708, Ed. Brasília Trade Center
CEP 70.711-902 - Brasília, DF
55 61 3329 2101 | 55 61 3329 2102
mbc@mbc.org.br

© 2014 Movimento Brasil Competitivo. Todos os direitos reservados.